quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Juniores: Marcus Alexandre comemora título 7 meses após sua chegada na categoria

O Vasco da Gama sagrou-se campeão carioca pela categoria sub-20, nesta quarta-feira (23/08), diante do Flamengo. Triunfante da Taça Guanabara e na Taça Rio, o Gigante na Colina coroou a campanha com a conquista estadual nos pênaltis, por 4 a 3. O treinador da equipe, Marcus Alexandre, exaltou a brava postura do time em mais um resultado positivo. 

- Essa medalha aqui vale muito. Os meninos foram de ouro. Conseguimos sair de uma situação adversa depois de perder o Paulo Vitor no meio do jogo. Graças a Deus conseguimos levar esse título para São Januário e isso é muito importante - avaliou. 

Sobre o trabalho desenvolvido, o técnico vascaíno falou com satisfação dos frutos colhidos. Ele ainda ressaltou a conclusão de etapas importantes, como a presença de grande parte dos atletas na equipe profissional do Cruzmaltino. 

- Muito feliz. É um trabalho novo, temos sete meses juntos. Cheguei ao sub-20 em dezembro, já conseguimos ter muito sucesso. Conseguimos colocar treze jogadores na equipe profissional. O ciclo da base está completo, que é vencer e formar. Fico muito satisfeito. Ainda coroamos isso com esse título, quase dez anos após a última conquista - disse o treinador, referindo-se à última conquista estadual do Gigante da Colina na categoria, em 2010, diante do Fluminense. 

Descobrir e potencializar talentos vascaínos não é novidade na carreira de Marcus Alexandre. Em passagem anterior por São Januário, o comandante projetou nomes como Alex Teixeira, Philippe Coutinho, Souza e Alan Kardec. Nesta etapa, o técnico segue o trabalho de relevar nomes para o futuro do Gigante da Colina. Estão nesta leva Douglas, recentemente transferido ao Manchester City, Paulinho, Mateus Vital, Paulo Vitor, Andrey, Evander, Alan Cardoso, Bruno Cosendey e Ricardo Graça, ambos utilizados pela equipe profissional. 

O currículo recente do treinador inclui as conquistas da Taça Guanabara e do Carioca, com o time sub-17. Agora, também soma Taça Rio, Taça Guanabara e Estadual sub-20. 



Fonte: Site oficial do Vasco

Zé Ricardo não comandará o Vasco neste sábado contra o Fluminense; Valdir Bigode será o responsável

Fred Huber @FredHuber 
Zé Ricardo ainda não comanda o Vasco contra o Flu, sábado. Valdir será o responsável. #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Fred Huber/GloboEsporte.com

Veja fotos do treino do Vasco desta 4ª-feira

Vasco da Gama 
Gigante da Colina realizou treino na manhã desta quarta-feira. Confira essas e outras imagens no Flickr oficial do Vasco: http://bit.ly/2wyN8d8 
📷: Paulo Fernandes/Vasco.com.br 



Fonte: Facebook oficial do Vasco

Exposição de camisas históricas em São Januário será de 26 de agosto a 9 de setembro; saiba mais

Vasco da Gama @VascodaGama 
Faltam 3 dias! Não perca a maior exposição de camisas históricas do Vasco! #VestindoACamisa 


Fonte: Twitter oficial do Vasco

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Juniores: Vasco provoca Flamengo após título estadual: 'Goleiro que pega pênalti a gente faz em casa'

Campeão carioca sub-20 ao vencer o Flamengo na decisão, nos pênaltis, nesta quarta-feira, em Moça Bonita, o Vasco provocou o rival nas redes sociais logo em seguida. Aproveitando-se do fato de o jovem goleiro João Pedro ter defendido a cobrança do meia rubro-negro Patrick, o Cruz-Maltino soltou: 

"Goleiro que pega pênalti a gente faz em casa". 

A brincadeira foi em referência ao goleiro titular do Flamengo no profissional, Diego Alves. Ele foi contratado a peso de ouro junto ao Valencia e, em duas cobranças de pênalti no Campeonato Brasileiro, não defendeu uma sequer. 

Após perder no tempo normal por 1 a 0, gol de Lincoln, o Vasco venceu o Flamengo nas penalidades por 4 a 3. O último gol foi marcado por Evander. 

Com o caneco conquistado nesta quarta-feira, o Vasco passa a ter 13 conquistas do Carioca sub-20. Dos grandes, é o que tem menos conquistas. O Botafogo tem 15, o Fluminense 17 e o Flamengo 29. O Cruz-Maltino havia sido campeão pela última vez em 2010. Naquela ocasião, revelou jogadores como Rômulo, atualmente no Fla, Marlone, hoje no Atlético-MG, e Allan, do Napoli. 


Fonte: Extra Online

Cleber dos Santos será o novo auxiliar do Vasco e Ricardo Henriques o novo preparador físico

Felipe Schmidt @schmidt_felipe 
Ricardo Henriques será o preparador físico de Zé Ricardo no Vasco. Chega junto com o auxiliar Cleber dos Santos. #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Felipe Schmidt/GloboEsporte.com

Vasco anuncia programa para engajar torcedores na captação de recursos para a base

O Presidente do Vasco, Eurico Miranda, anuncia nesta quinta-feira (24/08), às 11h30, em São Januário, um trabalho inédito do clube na captação de recursos para o futebol de base com apoio na Lei de Incentivo ao Esporte. 

O projeto está dividido em duas etapas e será um importante aliado para que o trabalho de fortalecimento da base do Vasco, já em andamento, seja aprofundado e transparente a todos os torcedores. O Vasco tem projeto aprovado na LIE para captar até 2 milhões e 727 mil reais para a base do futebol. A entrevista terá a participação de Antonio Gil Franco, sócio da EY ( Ernest & Young) e Paulo Henrique Oliveira, Gerente Senior da EY. 

A EY Assessoria Empresarial participará do Projeto de Doações Incentivadas do CLUB DE REGATAS VASGO DA GAMA (CRVG) prestando consultoria ao clube na identificação de potenciais doadores, pessoas físicas e/ou jurídicas através do uso da análise preditiva de dados (data analytics) e no entendimento dos benefícios oferecidos pela Lei do Incentivo ao Esporte (LIE), com o objetivo final de possibilitar ao clube a execução de projetos incentivados, aprovados no âmbito da LIE. 

O CLUB DE REGATAS VASCO DA GAMA será o único responsável pelo monitoramento e pela aplicação dos recursos recebidos em doação, no âmbito da Lei do Incentivo ao Esporte (LIE). 

A EY Assessoria Empresarial não irá auditar as demonstrações financeiras do clube ou efetuar análises financeiras, contábeis ou tributárias dos potenciais doadores e respectivas doações, de pessoas físicas ou jurídicas. 

Fonte: Site oficial do Vasco

Ricardo Rocha, sobre dar em 1ª mão a contratação de Zé Ricardo: 'Só o fiz porque já era certeza'

Ricardo Rocha ‏@RicardoRocha94 
Quando dei a notícia de que Zé Ricardo assinou com o Vasco, ao vivo ontem no Seleção, antes de todo mundo, eu só o fiz porque já era certeza 

Fonte: Twitter do ex-jogador Ricardo Rocha

Vasco tira referências do Flamengo em foto do anúncio de Zé Ricardo e não cita passagem do técnico pela Gávea

Ao anunciar em seu site oficial a contratação de Zé Ricardo para o comando do time, o Vasco manipulou uma foto na qual o treinador usava originalmente um agasalho do Flamengo. Na foto postada no site do clube de São Januário, o ex-técnico rubro-negro aparece com um casaco estilo capa de chuva totalmente preto. Porém, a roupa verdadeira tem detalhes na cor vermelha que foram apagados. 

Além das iniciais CRF, também foram apagados a logo da Adidas, os frisos tradicionalmente usados pela fornecedora e a marca da Caixa Econômica Federal, patrocinadora do clube. Na foto manipulada, não há o crédito do fotógrafo. 

Trata-se de um material de divulgação do Flamengo, feito pelo fotógrafo Rodrigo Coca, do jogo contra a Ponte Preta, no dia 29 de maio, em Campinas, quando Zé Ricardo ainda era interino - ele foi efetivado em seguida. 

O texto do site do Vasco não cita a passagem de Zé Ricardo pelo Flamengo, embora esteja em destaque o título carioca conquistado em 2017. 



Fonte: Blog Extracampo - Extra Online

Torcida do Vasco terá direito a cerca de 3 mil ingressos para jogo contra o Fluminense

Tiê Leal‏ @tieleala 
Torcedor cruzmaltino que irá pro clássico contra o Fluminense: serão 3.199 ingressos para arquibancada mais 600 gratuidades. Total: 3.799 

Fonte: Twitter do jornalista Tiê Leal/Rádio Transamérica

Vasco anuncia oficialmente contratação de Zé Ricardo

O bom filho à casa torna! Dois dias após anunciar de forma oficial o desligamento de Milton Mentes, o Vasco da Gama acertou a contratação de um novo treinador. Trata-se José Ricardo Mannarino, mais conhecido no meio do futebol como Zé Ricardo. O profissional definiu seu retorno ao Gigante da Colina na tarde desta quarta-feira (23/08), após conversa com a diretoria do clube. 

Campeão Carioca na temporada de 2017, Zé Ricardo será apresentado nesta sexta-feira (25), às 11h30, na sala de imprensa do Complexo Esportivo de São Januário. Essa passagem não será a primeira do técnico pelo Cruzmaltino. Natural do Rio de Janeiro e atualmente com 46 anos, o novo comandante trabalhou em equipes de futsal do Vasco da Gama na década de 90. 



Fonte: Site oficial do Vasco

Eurico, sobre Zé Ricardo: 'Ele será apresentado na sexta-feira em São Januário'

O Vasco ainda não oficializou a chegada de Zé Ricardo, mas o presidente do clube, Eurico Miranda, garantiu à Rádio Tupi que o técnico já fechou com o clube.
"Ele será apresentado na sexta-feira em São Januário. Ele tem um contrato CLT até o fim de 2018, com prazo determinado, até o final de 2018. Vem um auxiliar dele, que é o Cleber Santos, que já esteve no Vasco, e virá também o preparador físico Ricardo Henriques", disse Eurico Miranda em entrevista à Rádio Tupi.

"Se será apresentado na sexta, não dirigirá o time no sábado, não tem como", afirmou o presidente do Vasco.

Fonte: Fox Sports

Zé Ricardo se reuniu com Eurico em São Januário

Felipe Schmidt‏ @schmidt_felipe 
Zé esteve há pouco na sala do presidente Eurico Miranda. Ele também trará um preparador físico para a comissão técnica. #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Felipe Schmidt‏/GloboEsporte.com

Zé Ricardo já assinou contrato com o Vasco

Agora não falta mais nada: Zé Ricardo é o novo técnico do Vasco da Gama. O ex-treinador do Flamengo esteve em São Januário na tarde desta quarta-feira, onde acertou os últimos detalhes com a diretoria cruz-maltina e assinou contrato com o Gigante da Colina. Ele chega para substituir Milton Mendes, demitido na última segunda-feira, após uma sequência de cinco jogos sem vitória no Brasileirão. 

O vínculo de Zé Ricardo com o Vasco será em regime de CLT, ou seja, de carteira assinada, com prazo até o fim de 2018. Este, aliás, foi o ponto que adiou em um dia o acerto final. O treinador, que fez sua primeira reunião com os dirigentes vascaínos nesta terça-feira, queria um contrato com tempo determinado, ao contrário do clube. 

Havia pendências também com relação à formação da comissão técnica. Zé terá como auxiliar Cleber dos Santos, com quem trabalhou no Flamengo. O profissional já havia trabalhado no Vasco ano passado, na comissão de Jorginho, como analista de desempenho. 

O perfil jovem, estudioso e de bom conhecimento da base de Zé Ricardo agrada aos dirigentes cruz-maltinos, que resolveram fazer a aposta. Além de Zé Ricardo, o clube estudou outros cinco nomes. Ele terá a missão de tentar fazer o time melhorar o desempenho no Campeonato Brasileiro, já que a zona de rebaixamento se aproxima perigosamente - apenas dois pontos de distância. Seu primeiro jogo será o clássico com o Fluminense, sábado, no Maracanã. 

Relação antiga com o Vasco 

Zé Ricardo tem uma relação com o Vasco, já que no início de carreira ele foi treinador da base no futsal. A primeira passagem foi entre 1993 e 1994. A segunda, em 1996. A última foi em 2008 e início de 2009, sempre no futsal. Ele comandou, inclusive, atletas como Felipe e Pedrinho. 

Em 1998, convidado pelo então diretor do Flamengo e atualmente dirigente cruz-maltino Anderson Barros, Zé Ricardo foi para o Rubro-Negro. Posteriormente ele foi para o futebol do campo até chegar ao profissional. 



Fonte: GloboEsporte.com

Prazo do contrato de Zé Ricardo será até final de 2018

Felipe Schmidt @schmidt_felipe 
Apesar de ser CLT, contrato de Zé Ricardo com o Vasco terá prazo: até o fim de 2018. #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Felipe Schmidt‏/GloboEsporte.com

Milton nega fama de disciplinador e diz que saída do Vasco foi marcante

Demitido do comando do Vasco nesta segunda-feira, o técnico Milton Mendes foi convidado do "Seleção SporTV" nesta quarta e garantiu que tinha um bom relacionamento com os jogadores do Cruz-maltino. O ex-técnico do clube de São Januário negou a fama de "disciplinador" e declarou que apenas orientava os jogadores. E comparou com a relação entre pai e filho.
- A minha forma de tratar os jogadores sempre foi muito boa. Não só os jogadores, o clube inteiro. As pessoas me veem com um "mauzão", um "durão", o cara disciplinador que briga com todo mundo. Não é verdade. Eu tenho a minha linha de conduta, a minha postura. Se o treinador não puder chamar a atenção do jogador, acabou o futebol. O pai não chama a atenção do filho? Não orienta o filho? Quando faz errado não castiga? Em um plantel com 35 homens, ricos, você tem que ter conduta, linha. Tudo que a gente faz e mostra é importante para a gente ter segurança e ter o grupo na mão - afirmou.
Milton Mendes garantiu que não teve qualquer problema de relacionamento com o meia Nenê. O jogador chegou a pedir para não enfrentar o São Paulo e ficou quase um mês afastado.
- Essa história de conflitos, não há absolutamente nenhum. Falaram de Nenê. Eu e Nenê temos uma relação ótima. As pessoas querem ter algum tipo de conflito, arranjar conflito lá dentro e ficam dizendo isso. Pergunta ao Nenê se nós tínhamos algum tipo de conflito. As pessoas interessadas em conflito dentro do Vasco já tinham saído do Vasco. Essas estavam interessadas em plantar discórdia lá dentro.
O treinador confirmou que planejou fazer um churrasco com o elenco e que o evento acabou cancelado.
- Realmente aconteceu que nós teríamos um churrasco, feito por nós todos. Mas ia ser em uma folga. Aí muita gente ia viajar, então resolvemos fazer em outra altura. As pessoas, para deturpar, dizer coisas negativas, com outros interesses, usaram isso. Mas é completamente falso. A minha relação com os jogadores era boa. Fui me despedir. Se não tivesse uma boa relação com os jogadores, eu não ia querer me despedir. E nem eles de mim. Teve depoimentos sensacionais, coisas lindas. Eu me emocionei com as coisas que falaram para mim, com as mensagens. De todos os clubes, foi o que mais me marcou a saída - disse Milton Mendes.
Fonte: GloboEsporte.com

Zé Ricardo está em São Januário neste momento

Felipe Schmidt‏ @schmidt_felipe 
Zé Ricardo está em São Januário neste momento. Como o @FredHuber disse, contrato será de CLT, sem tempo determinado. #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Felipe Schmidt‏/GloboEsporte.com

Vasco e Zé Ricardo já se acertaram e anúncio será feito em instantes

Felipe Schmidt‏ @schmidt_felipe 
Tudo certo entre Vasco e Zé Ricardo. Estão reunidos, e anúncio oficial acontece ainda hoje. #gevas 

Zé terá como auxiliar Cleber dos Santos, que já havia trabalhado no Vasco ano passado, na comissão de Jorginho. #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Felipe Schmidt‏/GloboEsporte.com

Paulão fala do título do Sub-20, momento da defesa e chegada de Zé Ricardo

Paulão: "Dar os parabéns aos moleques, que nos ajudam bastante. Título importante. Vamos recebê-los de braços abertos e dar os parabéns. Espero que nos traga bons fluídos. Que possamos incorporar isso. A maioria que está lá já esteve no profissional conosco. Nossa situação é complicada, mas ainda temos chance de chegar no nosso objetivo, que muitos de fora não acreditam. Vamos trabalhar calados." 

Paulão: "Procurei saber. Ele tem conhecimento do Vasco. No Flamengo foi uma continuidade desde a base, e fez um trabalho muito bom no profissional. Esteve para ganhar o título de melhor treinador do país. Sabemos da qualidade dele. Dentro de campo quem faz os resultados somos nós, nós que temos que dar a volta por cima. O Zé Ricardo é um cara do bem, isso conta muito." 

Paulão: "Estamos próximos do G-6 ainda. Hoje, claro que o pensamento é se distanciar o mais possível. A pressão é grande. Não queremos que isso aconteça. O trabalho hoje já foi diferente, estamos conscientes de que precisamos dar mais. Falar menos e trabalhar mais. Trabalhar e escutar o menos possível que vem do lado de fora. Estamos ouvindo muita barbaridade." 

Paulão: "O Anderson Martins nós sabemos a história, a força dentro do Vasco, a capacidade técnica... Todos os torcedores queriam a volta dele. Nenhum jogador pode ser julgado por uma partida. O time inteiro não foi bem. Depois aconteceu o que aconteceu. Sabemos que o jogo foi muito ruim. Com o tempo o Anderson vai poder dar sequência, estamos aqui para dar todo apoio." 

Paulão: "Tenho trabalhado desde o décimo dia da minha lesão. Claro que estou sem ritmo, mas estou trabalhando. Quando o próximo treinador quiser contar comigo, estarei à disposição." 

Paulão: "As coisas não precisam ser na pressa. Estão se encaminhando. Quem sabe até o fim de semana o nome do técnico é confirmado. O Valdir está trabalhando, tem o nosso respeito. Estamos tentando ajudar ele. O trabalho foi diferente esses dois dias, e estamos abertos a apoiá-lo." 

Paulão: "Se estivéssemos bem, o técnico não teria sido demitido. Temos nossa parcela também. Sabemos que precisamos dar esse respaldo ao Valdir. Ele assumiu em um clássico com o Botafogo, e nós empatamos. Temos que dar o apoio." 

Paulão: "Penso que o trabalho será depois de duas semanas de trabalho. Não consegue dar um toque em dois dias. Pode optar por um jogador ou outro, mas uma jogada, movimentação, é com um pouco mais de tempo. O jogo ser no sábado complica um pouco ele colocar muito o toque dele." 

Paulão: "Expectativa máxima para este jogo. Precisamos do apoio do torcedor. Em São Januário, com o apoio deles, nossa trajetória estava sendo muito boa. Será que não estaríamos brigando pelo G-3 se não estivéssemos perdido o mando? Difícil dizer. Mas se tivermos o crédito da torcida novamente podemos fazer um jogo diferente. Ganhamos no primeiro clássico, isso aumenta nossa responsabilidade." 

Paulão: " Jogo no Maracanã é bom para nós, é dentro do Rio. É neutro, entre aspas. Dentro do clássico tudo é possível." 

Paulão: "Hoje os jogadores entendem mais a necessidade de poupar, dessa mescla. Mas o torcedor é emoção e quer resultado. Vejo que as duas maneiras são boas. Quem joga mais, treina menos. Essa mudança em todos os jogos as pessoas às vezes não entendem, mas isso pode ajudar." 

Paulão: "Não é porque chegaram três ou quatro jogadores que o sistema defensivo não ia ser mais vazado. O Brasileiro é muito complicado. Todos sofrem muitos gols e fazem muitos. Mas não queria ter sofrido tantos gols, o que precisamos é nos defender como grupo. Não adianta só o goleiro e os dois zagueiros defenderem, o futebol mudou." 

Paulão: " Toda mudança temos que pensar no positivo. A chegada dele para dois dias de trabalho é muito complicado, mas claro que ele já assistiu, já jogou contra. Pode ajustar posicionamento, bola parada, e nós vamos ter o respeito." 



Fonte: GloboEsporte.com

Advogada de Zé Ricardo está reunida com dirigentes do Vasco em São Januário

Tudo caminha para um final feliz. O Vasco deve anunciar ainda no fim da tarde desta quarta a contratação de Zé Ricardo, mas clube e treinador tentam fechar ainda as últimas pendências. No fim da noite de terça-feira, o técnico já havia sinalizado de forma positiva para o acerto. Mas a repórter Monique Cardone, que está em São Januário, informou no 'Seleção SporTV" desta quarta que a advogada de Zé Ricardo, Joana Prado, está reunida com os dirigentes neste momento e pede algumas mudanças. 

A principal, segundo a repórter, seria nas cláusulas do contrato. O treinador deseja fechar com o clube por tempo determinado. O Vasco havia proposto tempo indeterminado, ou seja, regime de CLT, normal, de carteira assinada. A outra pendência, com relação à formação da comissão técnica, deve ser resolvida sem problemas. 

O Vasco deu o primeiro passo para ter Zé Ricardo como treinador na terça-feira, quando a cúpula do futebol cruz-maltino se reuniu com o técnico e fez proposta para contratá-lo. Zé havia chegado de São Paulo no início da tarde, após participar do programa "Bem, Amigos", na noite de segunda-feira. Foi recebido por Anderson Barros, gerente de futebol do Vasco, e partiu para reunião com ele e Eurico Brandão, vice-presidente de futebol do clube, na casa de Anderson. 

O Vasco demitiu Milton Mendes na última segunda-feira, após uma sequência de cinco jogos sem vencer. O time está na 16ª posição do Campeonato Brasileiro, a dois pontos da zona de rebaixamento. 

Zé foi demitido do Flamengo no início de agosto, após a derrota para o Vitória na Ilha do Urubu. Ele vinha sendo cobrado, especialmente pela torcida rubro-negra, por não conseguir resultados compatíveis com o investimento no elenco. 

Fonte: Sportv.com