quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Futmesa: Renan Gatto foi o campeão do Aberto da Colina na modalidade Dadinho

No último domingo (13/08/2017) em são Januário, foi realizado a 6ª edição do Aberto da Colina, competição na modalidade Dadinho organizada pelo Departamento de Futebol de Mesa do Club de Regatas do Vasco da Gama. 

Como já era esperado, o torneio foi muito disputado com emoção até o fim. 

Nas semifinais, dois clubes roubaram a cena, Vasco da Gama e Tijuca, cada um deles representado representado nos seguintes confrontos: 

Renan Gatto (CRVG) 1 x 1 João Carlos (TTC). 
Gatto tinha a vantagem do empate e conseguiu a classificação. 

Renato Oliveira (CRVG) 3 x 2 Alexandre Aires (TTC). 

E assim, o Vasco da Gama conseguiu, pela primeira vez na história do torneio uma dobradinha na decisão, que terminou com a vitória do atleta Renan Gatto pelo placar de 4×2. 

A próxima edição está prevista para o mês de outubro. 


Fonte: FEFUMERJ

Para a CBF, arbitragem dos jogos do Vasco nas rodadas 17, 18 e 19 está entre as melhores

A Comissão de Arbitragem da CBF divulgou as melhores equipes das 17ª , 18ª e 19ª rodadas do Brasileirão. Os vencedores da temporada serão determinados pela soma da pontuação contabilizada durante todo o campeonato. O ranking está sendo elaborado a partir dos dados do sistema de análise de desempenho usado pela entidade. Confira: 

ARBITRAGEM - BRASILIEIRÃO - 17ª RODADA 

Chapecoense 1 x 2 Altético-GO - 30 de julho, domingo (11h), Arena Condá, Chapecó (SC) 
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP) 
Árbitro Assistente 1: Daniel Luis Marques (SP) 
Árbitro Assistente 2: Bruno Salgado Rizo (SP) 
Quarto Árbitro: Fabio Rogerio Baesteiro (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Jose Claudio Rocha Filho (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Ilbert Estevam da Silva (SP) 

Vasco 0 x 1 Atlértico-PR - 31 de julho, segunda-feira (20h), Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ) 
Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva (SE) 
Árbitro Assistente 1: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) 
Árbitro Assistente 2: Fabio Pereira (TO) 
Quarto Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Ailton Farias da Silva (SE) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Alisson Sidnei Furtado (TO) 

Bahia 1 x 3 Sport - 30 de julho, domingo (16h), Arena Fonte Nova, Salvador (BA) 
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO) 
Árbitro Assistente 1: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) 
Árbitro Assistente 2: Cristhian Passos Sorence (GO) 
Quarto Árbitro: Edson Antonio de Sousa (GO) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Osimar Moreira da Silva Junior (GO) 

ABITRAGEM - BRASILEIRÃO - 18ª RODADA 

Atlético-PR 5 x 0 Avaí - 3 de agosto, quinta-feira (19h30), Arena da Baixada, Curitiba (PR) 
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP) 
Árbitro Assistente 1: Miguel Caetano Ribeiro da Costa (SP) 
Árbitro Assistente 2: Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP) 
Quarto Árbitro: Alberto Poletto Masseira (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 1: José Claudio Rocha Filho (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Adriano de Assis Miranda (SP) 

São Paulo 1 x 2 Coritiba - 3 de agosto, quinta-feira (19h30), Morumbi, São Paulo (SP) 
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE) 
Árbitro Assistente 1: Clovis Amaral da Silva (PE) 
Árbitro Assistente 2: Cleberson do Nascimento Leite (PE) 
Quarto Árbitro: Marcelino Castro Nazaré (PE) 
Árbitro Assistente Adicional 1: José Washington da Silva (PE) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Deborah Cecilia C. Correia (PE) 

Vasco 0 x 3 Cruzeiro - 3 de agosto, quinta-feira (20h), Raulino de Oliveira (RJ) 
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP) 
Árbitro Assistente 1: Rogério Pablos Zanardo (SP) 
Árbitro Assistente 2: Herman Brumel Vani (SP) 
Quarto Árbitro: Vitor Carmona Metestaine (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Thiago Duarte Peixoto (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Salim Fende Chavez (SP) 

ARBITRAGEM - BRASILEIRÃO - 19ª RODADA 

Flamengo 0 x 2 Vitória - 6 de agosto, domingo (11h), Luso Brasileiro, Rio de Janeiro (RJ) 
Árbitro: Raphael Claus (SP) 
Árbitro Assistente 1: Alex Ang Ribeiro (SP) 
Árbitro Assistente 2: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP) 
Quarto Árbitro: Alberto Poletto Masseira (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Marcio Henrique de Gois (SP) 

Grêmio 2 x 0 Atlético-MG - 6 de agosto, domingo (16h), Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS) 
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP) 
Árbitro Assistente 1: Daniel Paulo Ziolli (SP) 
Árbitro Assistente 2: Daniel Luis Marques (SP) 
Quarto Árbitro: Ricardo Pavanelli Lanutto (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Leandro Bizzio Marinho (SP) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Rafael Gomes Felix da Silva (SP) 

Ponte Preta 0 x 0 Vasco - 6 de agosto, domingo (19h), Moisés Lucarelli, Campinas (SP) 
Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC) 
Árbitro Assistente 1: Emerson Augusto de Carvalho (SP) 
Árbitro Assistente 2: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) 
Quarto Árbitro: Alex dos Santos (SC) 
Árbitro Assistente Adicional 1: Rodrigo D. Alonso Ferreira (SC) 
Árbitro Assistente Adicional 2: Eduardo Cordeiro Guimarães (SC) 

Fonte: CBF

Anderson Martins deve jogar contra o Bahia



Fonte: GloboEsporte.com

Ramon abre o coração em entrevista exclusiva da Vasco TV



Fonte: VASCO TV

Média de gols sofridos pelo Vasco cai pela metade com Ramon em campo

O tempo e as quatro temporadas vividas no futebol turco trouxeram uma virtude ao estilo de jogo de Ramon. O lateral-esquerdo ganhou poder de marcação em relação ao jogador que era na sua primeira passagem pelo Vasco. Desde que estreou, a média de gols sofridos pela equipe neste Campeonato Brasileiro caiu pela metade. É com esse trunfo na manga que ele rapidamente se transformou em homem de confiança de Milton Mendes.
No duelo de domingo, contra o Palmeiras, o jogador chegou a seis partidas neste retorno ao Vasco, com cinco gols sofridos pela equipe, média de 0,8 gols sofridos por jogo. Nas 14 partidas em que Henrique foi titular da posição, o time de São Januário foi vazado 27 vezes em 15 jogos na Série A, média de 1,8 gols contra por rodada.
Nem sempre Ramon foi assim. No começo de carreira, era conhecido pela disposição para subir ao ataque. Quando chegou ao Vasco pela primeira vez, em 2009, ganhou o apelido de "Empolgado" dos companheiros. Mas agora o jogador, aos 29 anos, se posiciona como um dos mais experientes do elenco atual. É assim que chama a responsabilidade neste momento instável do time na temporada.
- Oscilação é normal. Os mais experientes já passaram por isso. Eu já passei por isso aqui no Vasco mesmo. Temos que chamar a responsabilidade e tirar o peso dos meninos - frisou.
Fonte: Extra Online

Guardiola e Zidane são os melhores técnicos do mundo? Para Milton Mendes, 'há controvérsias'



Fonte: FoxSports

Ramon exalta força do elenco do Vasco para a sequência do Campeonato Brasileiro

O Vasco da Gama iniciou a preparação para o próximo compromisso no Campeonato Brasileiro, na manhã desta terça-feira (15/08). Para buscar os três importantes pontos diante do Bahia, no domingo (20), o lateral-esquerdo Ramon aposta na força do grupo cruzmaltino. O jogador reforçou a responsabilidade de construir uma boa campanha no turno final da competição nacional. 

- Temos que manter o grupo forte, porque precisamos e vamos precisar de todos, provamos isso contra o Palmeiras. Tivemos a volta o Luis, eu voltei de lesão e tivemos também o retorno do Nenê, que ajudou bastante. Agora a gente tem que se fortalecer, se encorpar cada vez mais para fazer um segundo turno melhor do que foi o primeiro - analisou Ramon. 

A mescla entre atletas experientes e jovens é uma marca da equipe comandada pelo técnico Milton Mendes. Ramon valorizou a sintonia entre os companheiros que, segundo ele, está acima da diferença de idade. 

- Precisamos chamar a responsabilidade, tirar o peso dos meninos e assumir. Mas, na partida, se jogar um garoto ou um atleta mais experiente não vai existir distinção. Quando entramos em campo a história fica de lado e todos são iguais. Quem o Milton colocar pra jogar vai dar conta do recado e buscar esses pontos no domingo - disse. 

No turno inicial do Brasileirão o Vasco superou o Bahia, em São Januário, pelo placar de 2 a 1. Na ocasião, os gols do Gigante foram marcados por Luis Fabiano e Yago Pikachu. Para repetir o triunfo em uma nova oportunidade, o lateral-esquerdo aposta em uma apresentação segura do Cruzmaltino, na Arena Fonte Nova. 

- Enfrentar o Bahia na casa deles é difícil. Temos que fazer um jogo seguro e consciente, como fizemos contra o Palmeiras. Principalmente defensivamente, temos que ser muito fortes, para saber usar os espaços deles quando precisarem sair para o jogo - concluiu. 


Fonte: Site oficial do Vasco

Já estão abertas as inscrições para visita guiada em São Januário do próximo sábado

A primeira visita guiada em São Januário foi um verdadeiro sucesso e proporcionou momentos emocionantes para todos os sócios inscritos. 

Para quem não foi neste primeiro encontro as inscrições para o próximo sábado, dia 19/08, já estão abertas. 

Lembrando os métodos:
 

Sócios estatutários deverão se inscrever através do setor de cobrança do clube pelo telefone 2176-7383. As vagas serão limitadas e por ordem de solicitação. Serão dois grupos de dez sócios mais dez acompanhantes (um para cada sócio) em cada sábado. 

Sócios-torcedores poderão resgatar a visita guiada através do clube de vantagens do Gigante durante a semana. Serão dois grupos de cinco sócios-torcedores mais cinco acompanhantes (um para cada sócio) para cada sábado. 

Os grupos serão separadas em dois horários, um às 10h e outro às 11:30. 

É importante lembrar que os locais guiados na visita (Tribuna de honra, salão de troféus, ginásio, CAPRRES base, vestiário, sala de imprensa, CAPRRES profissional, capela e parque aquático) podem sofrer alterações de acordo com a agenda de treinos do futebol profissional. 

O Gigante da Colina te espera para mais uma visita inesquecível. 

Fonte: Site oficial do Vasco

Juniores: Vasco enfrenta o Flamengo às 10h desta 4ª-feira em Moça Bonita pela 1ª partida da final do Estadual; TV FFERJ e GE transmitem em vídeo



Pouco mais de um mês após as semifinais, Vasco e Flamengo iniciam o duelo pelo título do Campeonato Carioca sub-20. Com São Januário interditado e preocupação com a segurança das duas torcidas, a determinação foi de campo neutro e portões fechados. Nesta quarta, às 10h (de Brasília), as equipes fazem o primeiro jogo da decisão em Moça Bonita. 

Campeão dos dois turnos da competição, o Vasco, de Marcus Alexandre, aposta na força dos jogadores que estavam com os profissionais e estão relacionados para reforçar o grupo. O Rubro-Negro passa por momento distinto. Sem Vinicius Junior, que permanece no time de cima, a equipe vai para a final com novo treinador: Márcio Torres, comandante do sub-17, assume vaga de Gilmar Popoca, demitido na última semana. 

Transmissão: ao vivo no GloboEsporte.com. 

VASCO - Técnico: Marcus Alexandre 

O retrospecto é favorável à equipe cruz-maltina em 2017. Em dez clássicos no sub-20, foram seis vitórias, três empates e apenas uma derrota. Contra o Fla, três jogos, duas vitórias (1 x 0 e 3 x 0 ) e um tropeço (1 x 0). Na conta, os títulos da Taça Guanabara e Taça Rio da categoria. Além da manutenção do grupo e sem desfalques por lesão, Marcus Alexandre tem mais uma boa notícia: o reforço de garotos que estavam à disposição de Milton Mendes. 

O goleiro João Pedro, o zagueiro Ricardo, o lateral Alan Cardoso, os volantes Andrey e Bruno Cosendey, o meia Evander e o atacante Caio Monteiro, que já treinam entre os profissionais, estão relacionados para o primeiro jogo da decisão (Paulinho, Mateus Vital e Paulo Vitor seguem no time principal). 

FLAMENGO - Técnico: Márcio Torres 

O Rubro-Negro chega para o primeiro jogo da decisão com mudança. Gilmar Popoca, vice-campeão da Copa do Brasil sub-20, foi demitido na última quinta-feira. Márcio Torres, comandante do sub-17, assume o time na decisão. De positivo, o conhecimento dos garotos, que passaram pela categoria com o treinador. 

A equipe segue sem a dupla de zaga Dener e Rafael, lesionados. Bernardo permanece no time titular, mas a dúvida é o parceiro de defesa. Thuler, campeão do estadual sub-17 (capitão sob comando de Márcio Torres) disputa a vaga com Dantas. No meio, João Pedro, Luiz Henrique e Patrick brigam pela posição de armador do time, que segue com Lincoln como referência ofensiva. 

Desfalques: Dener e Rafael (os dois zagueiros, ambos romperam o cruzado) e Michael (tornozelo) 

ARBITRAGEM 

Wellington Mendonça de Mello, auxilado por André Roberto Silveira e Wallace Muller Santos. 

Fonte: GloboEsporte.com

Basquete: Com Fúlvio titular, Brasil vence Camarões em amistoso: 91 a 72

O técnico Cesar Guidetti estreou a frente de uma renovada seleção brasileira com vitória tranquila sobre Camarões por 91 a 72 na noite desta terça-feira em um lotado Centro Poliesportivo João do Pulo, em Pindamonhangaba, interior de São Paulo. 

Apesar de iniciar com os atletas mais experientes o confronto, Guidetti deu minutos em quadra para 12 atletas. Alguns, como Georginho e Alexey tiveram bom desempenho e atuaram na maior parte do confronto. Bruno Caboclo, atleta do Toronto Raptors, jogou pouco. Apenas quatro minutos. 

O destaque, no entanto, ficou para um titular: Lucas Dias, do Paulistano, foi o cestinha do jogo com 20 pontos. Calibrado, ele anotou quatro bolas de três. Leo Meindl colaborou com 16 pontos. Arnaud Adala, com 18 pontos, foi o maior pontuador camaronês 

Camarões e Brasil voltam a se enfrentar nessa quarta-feira, 16, às 18h, também em Pindamonhangaba. Será o último teste antes do Brasil viajar para um torneio preparatório na Argentina. Depois, sem mais testes, a seleção disputa a Copa América em Medellín, na Colômbia. 

Largada 

Para o início, Cesar Guidetti optou por uma formação mais experiente. E o cartão de visitas foi apresentado com menos de 10 segundos. No primeiro lance da partida, Fúlvio abriu espaço na defesa adversária e com um passe no meio de dois camaroneses deixou Rafael Mineiro livre para a enterrada. Não que o Brasil tenha tido vida fácil. As duas seleções trocaram cestas nos primeiros minutos, e os camaroneses chegaram a abrir 12 a 8. 

Com seis minutos, a experiência foi dando lugar aos mais jovens: os armadores Davi e Georginho, Bruno Caboclo, Renan Lenz... E com um bom trabalho defensivo, as bolas brasileiras foram caindo e as camaronesas não. Enquanto os adversários pararam nos 12 pontos, o Brasil passou e foi abrindo vantagem. Ao final do primeiro quarto, a vitória era da seleção do estreante Guidetti por 24 a 16. 

No início do segundo quarto, a vantagem do primeiro se evaporou, e Camarões tomou a dianteira. A reação serviu para acordar o Brasil que não demorou a retomar o controle da partida. Com mais mudanças e mais caras novas, a seleção mostrava falta de entrosamento em alguns lances. Mas nada que atrapalhasse a equipe, que terminou a frente por 53 a 42. Com 15 pontos, Lucas Dias, ala do Paulistano, liderou os pontuadores. 

Segundo tempo 

Camarões voltou mais disposto à segunda etapa. Não que os adversários tenham imposto uma reação. Mas o jogo ficou mais pegado. Mais faltas, mais bloqueios, mais roubadas de bola... Não teve cesta fácil no terceiro quarto. O placar da parcial foi 11 a 9 para o Brasil. No total, 64 a 51 para a seleção. 

O Brasil fez chover bolas de três no início do último período. Foram três arremessos certeiros nos primeiros três minutos, o que levou a vantagem para 19 pontos no início do quarto. A partir daí, a seleção apenas administrou. Houve princípio de confusão quando François Affia atingiu Alexey com uma ombrada. Mas a marcação da falta flagrante acalmou os ânimos. A partir daí, o jogo caiu de ritmo, até que o Brasil fechasse o duelo em 91 a 72. 

Escalações 

Brasil: Fulvio (0), Lucas Dias (20), Leo Meindl (16), Mineiro (10) e JP Batista (8). Entraram: Davi (6), Bruno Caboclo (0), Georginho (10), Renan Lenz (6), Arthur Bernardi (0), Alexey Pereira (9) e Danilo Fuzaro (6). Técnico: Cesar Guidetti 

Camarões: Pierre Essome (5), Darryl Strawberry (11), Brylle Kamew (4), Franck Yangue (10) e Songold Nkijol (8). Entraram: Boris Mbala (0), Felix Bogmis (3), Kevin Ngwese (6), François Affia (0), Arnolde Kome (7), Arnaud Adala (18). Técnico: Jean Claude 



Fonte: GloboEsporte.com

Juniores: Andrey projeta 1º jogo da final do Estadual contra o Flamengo

Com foco total no primeiro jogo da decisão do Campeonato Carioca sub-20, o Vasco da Gama trabalhou forte na manhã desta terça-feira (15/08) no Centro de Treinamento Almirante Heleno Nunes, em Duque de Caxias (RJ). O treinador Marcus Alexandre promoveu uma atividade tática e fez os últimos ajustes na equipe, que contará com o reforço de alguns atletas do profissional no duelo contra o Flamengo. 

Além do goleiro João Pedro, que vem atuando com frequência na categoria mesmo após ser promovido para a condição de quarto arqueiro do time principal, o zagueiro Ricardo, o lateral-esquerdo Alan Cardoso, os volantes Andrey e Bruno Cosendey, o meio-campista Evander e os atacantes Caio Monteiro e Paulo Vitor também reforçarão o Gigante da Colina na partida de número 1 da finalissíma. 

Em Moça Bonita, nesta quarta-feira (16), o Cruzmaltino buscará manter o excelente retrospecto diante do Rubro-Negro na temporada de 2017. Em quatro jogos contra o rival, o Vasco venceu três e foi superado em apenas um. O histórico recente, porém, não faz a equipe de São Januário se considerar favorita para o confronto. Andrey acredita que o título só será Cruzmaltino se o comprometimento for o mesmo dos jogos anteriores. 

- A nossa postura nessa decisão será a mesma do campeonato todo. Temos que jogar para cima, como Vasco, como time grande. A nossa principal característica é propor o jogo e buscaremos fazer isso outra vez. O Flamengo é uma grande equipe, mas se entrarmos em campo comprometidos, como se fosse a última partida das nossas vidas, vamos conseguir um resultado positivo e encaminhar a conquista desse título - afirmou o volante. 

Sem conquistar o Campeonato Carioca desde 2010, o sub-20 vem tendo um ano dos sonhos. Além de ter conquistado os títulos da Taça Guanabara e da Taça Rio, a categoria fez a melhor campanha de sua história na Copa do Brasil e ultrapassou a segunda fase na Copa São Paulo, fato que não acontecia há 14 anos. A alegria e a união do grupo são fatores apontados por Andrey como determinantes para o sucesso em 2017. 

- Alegria é a palavra do sub-20. Resgatamos aquela coisa de jogar com alegria e felicidade. Nosso time é muito unido e tem consciência do potencial que possui. Jogamos no Vasco e toda essa confiança vem do fato de vestirmos essa camisa. Isso tem sido o nosso diferencial. Estamos chegando a lugares altos, mas queremos muito mais. Não queremos desperdiçar a oportunidade de entrar na história do Vasco com esse título - declarou Andrey. 

Não custa lembrar que o Clássico dos Milhões, o primeiro jogo da decisão do Campeonato Carioca sub-20, será disputado nesta quarta-feira (16), às 10 horas, no Estádio de Moça Bonita, com portões fechados. A partida entre Vasco e Flamengo será transmitida pelo portal GloboEsporte.com e pela TV da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ). 

Provável escalação do Vasco: João Pedro, Rafael França, Ulisses, Ricardo e Alan Cardoso; Andrey, Bruno Cosendey, Dudu, Evander e Robinho; Paulo Vitor. Suplentes: Alexander, Rodrigo, Luan, João Victor, Moresche, Caio Monteiro e Marrony. 



Fonte: Site oficial do Vasco

Juniores: Evander, sobre 1º jogo da decisão do Estadual: 'Postura tem que ser a mesma dos outros confrontos'

Campeão da Taça Guanabara e da Taça Rio, o Vasco vai enfrentar o Flamengo, nesta quarta-feira, às 10h, no Estádio de Moça Bonita, válido pela primeira partida da decisão do Campeonato Carioca Sub-20. Embora tenha vencido os dois turnos, o time cruzmaltino não possui nenhuma vantagem, assim como o rival, dono da melhor campanha geral da competição. 

O Cruzmaltino entra em campo tendo um retrospecto favorável contra a equipe rubro-negra. Em quatro confrontos, a equipe da Colina venceu três partidas e o Rubro-negro levou a melhor em apenas uma, na fase de classificação da Taça Rio. 

Um dos destaques da equipe, o meia Evander, que já teve chances na equipe principal, afirmou que espera ver o Vasco atuando de forma semelhante a dos últimos jogos contra o Flamengo e revelou sua expectativa para o clássico. 

"A postura tem que ser a mesma dos outros confrontos. A gente tem que impor nosso jogo. Eu espero fazer um bom jogo ajuda a equipe, dar o meu máximo para sair com a vitória", disse o meia Evander. 

Evander também aproveitou para ressaltar as qualidades do grupo Sub-20 do Vasco. "A alegria que o grupo está transmitindo dentro e fora de campo está sendo importante para os campeonatos que estamos fazendo. Fizemos uma grande Copa do Brasil, infelizmente não chegamos na final. Fizemos um Brasileiro que dava para se classicar, tropeçamos, mas espero que o Carioca não vai passar, vamos conquistar esse título". 



Fonte: O Dia

Twitter oficial do Exército cita Vasco na Série B em resposta e revolta torcedores

A conta oficial do Exército Brasileiro no Twitter roubou a cena na rede social, nesta terça-feira, ao tirar sarro do Vasco. Tudo começou com uma mensagem de um torcedor vascaíno identificado como Matheus. 

"Enquanto ele está querendo dispensa, eu queria era estar até hoje no EB. Fui dispensado contra a minha vontade, fiquei só um ano", disse o jovem. 

"Praticamente o tempo que o @vascodagama ficou na 2ª Divisão. Então, você pode ter estabilidade e seguir carreira se fizer nossos concursos", respondeu a conta do Exército. 

O fato, é claro, revoltou vários vascaínos. 

"Sou militar, e digo que o administrador desta página agiu com pleno desrespeito a instituição @VascodaGama e seus torcedores!", postou um deles. 

"Um desrespeito à uma instituição centenária como o Vasco, justo este clube que doou 2 aviões p/ a FAB na 2° guerra mundial ... Lamentável!", escreveu outro. 

"Você é novo aí, filhão? Política, religião e esporte estão fora da pauta. Confere com o Escalão Superior", disse mais um. 



Fonte: Extra Online

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Martín Silva e Jean projetam jogo contra o Bahia

O Vasco iniciou nesta terça-feira a sua preparação para o confronto do próximo domingo, às 16h (de Brasília), contra o Bahia na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor baiano entrará em campo um pouco abalado pela goleada de 4 a 1 sofrida para o Atlético-PR no Paraná. O fato, porém, parece não empolgar os vascaínos, que no fim de semana empataram por 1 a 1 com o Palmeiras em Volta Redonda (RJ).
O goleiro Martin Silva lembrou o equilíbrio da competição. “O Campeonato Brasileiro é marcado por um equilíbrio muito grande e o que temos acompanhando é um grande sobe e desce. Portanto, não podemos esperar nenhuma ligação da goleada sofrida pelo Bahia com o jogo deste domingo. O Vasco sabe que vai enfrentar um adversário muito qualificado e que por isso mesmo vai nos criar problemas, mas estamos nos preparando”, disse o uruguaio.
O volante Jean pensa de maneira parecida. “O Bahia é muito forte quando joga em casa neste Campeonato Brasileiro. Portanto, não vamos levar em consideração o que aconteceu na rodada passada, pois nós mesmos já perdemos em uma rodada e conseguimos nos recuperar na rodada seguinte. Essa tem sido a marca desta temporada e por isso mesmo que estamos sempre preparados para um confronto muito complicado”, afirmou o volante.
O elenco, que folgou na segunda-feira, se reapresentou nesta terça-feira pela manhã, mas apenas para um trabalho regenerativo. Nesta quarta-feira o plantel volta a trabalhar na parte da manhã.
Fora de campo a diretoria do Vasco está monitorando a negociação que pode levar o meia Philippe Coutinho do Liverpool para o Barcelona. Isso porque o clube carioca é o formador do apoiador e por isso tem direito a receber 2,5% nesta transação. A última oferta recebida pelos ingleses, segundo a imprensa inglesa, girava em torno de 100 milhões de euros (cerca de R$ 375 milhões). Esse dinheiro chegaria em um bom momento e ajudaria a colocar em dia algumas dívidas.
Fonte: Gazeta Esportiva

Luis Fabiano segue entre os melhores atacantes na Bola de Prata após a 20ª rodada

O 48º prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet teve duas novidades ao término da 20ª rodada, que não contou com o jogo Chapecoense x Corinthians, adiado para a próxima quarta, dia 23. Com o gol marcado contra o Vasco, seu quinto no campeonato, o meia Alejandro Guerra, do Palmeiras, subiu sua nota para 6,12, deixou Rodriguinho (que não jogou nessa rodada) para trás, com 6,09 e entrou na seleção da Bola de Prata como um dos melhores meias ao lado de Thiago Neves, do Cruzeiro. O venezuelano Guerra é agora o segundo estrangeiro na seleção de 2017 – o paraguaio Balbuena é o outro. 

Entre os segundos volantes, o botafoguense Bruno Silva voltou à liderança após sua exibição na vitória contra o Grêmio. Com a nota 6,09, Bruno superou Maycon, do Corinthians, agora com 6,07. 

Mas mesmo perdendo dois jogadores na seleção ao final dessa 20ª rodada (Rodriguinho e Maycon), o Corinthians segue como o time com mais representantes na Bola de Prata – cinco (Cássio, Fágner, Balbuena, Guilherme Arana e Jô). O Grêmio aparece depois, com três jogadores no time ideal: Geromel, Michel e Luan. 

Entre os goleiros, Cássio segue com boa folga na liderança com sua nota 6,89 e, por mais uma rodada, continua como o Bola de Ouro do Brasileirão. Agora, porém, com uma mínima diferença para o centroavante Jô, seu companheiro de clube, que tem a nota 6,88. 

Entre os zagueiros, Balbuena e Geromel seguem bem nas duas primeiras colocações. Mas um pouco abaixo, quem vem subindo é Thiago Heleno, do Atlético-PR. Autor de um gol na vitória sobre o Bahia (4 x 1), o jogador do Furacão já aparece agora na 4ª colocação, colocado em David Braz, do Santos. Já entre os segundos volantes, outro que vem subindo bastante é Wendel, do Fluminense. Com nota 6,03, o tricolor encostou em Bruno Silva e Maycon. 

Seleção Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet 2017 após a 20ª rodada 

Goleiros 
Jogador Time Nota 
1º Cássio Corinthians 6,89 
2º Vanderlei Santos 6,49 
3º Douglas Friedrich Avaí 5,90 
4º Gatito Fernández Botafogo 5,86 
5º Marcelo Grohe Grêmio 5,33 

Laterais-direitos 
Jogador Clube Nota 
1º Fágner Corinthians 6,04 
2º Lucas Romero Cruzeiro 5,64 
3º Rodinei Flamengo 5,51 
4º Nino Paraíba Ponte Preta 5,34 
5º Jonathan Atlético-PR 5,25 

Zagueiros 
Jogador Clube Nota 
1º Balbuena Corinthians 6,34 
2º Geromel Grêmio 6,15 
3º David Braz Santos 5,89 
4º Thiago Heleno Atlético-PR 5,88 
5º Pablo Corinthians 5,88 

Laterais-esquerdos 
Jogador Clube Nota 
1º Guilherme Arana Corinthians 5,97 
2º Sidcley Atlético-PR 5,76 
3º Reinaldo Chapecoense 5,45 
4º Fábio Santos Atlético-MG 5,42 
5º Diogo Barbosa Cruzeiro 5,37 

Volantes 
Jogador Clube Nota 
1º Michel Grêmio 6,26 
2º Rodrigo Lindoso Botafogo 5,80 
3º Patrick Sport 5,64 
4º Naldo Ponte Preta 5,61 
5º Otávio Atlético-PR 5,59 

Segundos volantes 
Jogador Clube Nota 
1º Bruno Silva Botafogo 6,09 
2º Maycon Corinthians 6,07 
3º Wendel Fluminense 6,03 
4º Rithely Sport 5,88 
5º Thiago Maia Santos 5,75 

Meias 
Jogador Clube Nota 
1º Thiago Neves Cruzeiro 6,29 
2º Guerra Palmeiras 6,12 
3º Rodriguinho Corinthians 6,09 
4º Jadson Corinthians 5,96 
5º Lucas Lima Santos 5,90 

Segundos atacantes 
Jogador Clube Nota 
1º Luan Grêmio 6,58 
2º Bruno Henrique Santos 5,98 
3º Ramiro Grêmio 5,95 
4º Fernandinho Grêmio 5,85 
5º Lucca Ponte Preta 5,81 

Centroavantes 
Jogador Clube Nota 
1º Jô Corinthians 6,88 
2º Henrique Dourado Fluminense 6,08 
3º Guerrero Flamengo 5,87 
4º Luis Fabiano Vasco 5,73 
5º Lucas Barrios Grêmio 5,69 

Bola de Ouro 
Jogador Clube Nota 
1º Cássio Corinthians 6,89 
2º Jô Corinthians 6,88 
3º Luan Grêmio 6,58 
4º Vanderlei Santos 6,49 
5º Balbuena Corinthians 6,34 

Fonte: ESPN.com.br

Vasco e Bernardo têm audiência e não chegam a acordo; jogador cobra R$ 32 milhões

Bernardo está a procura de novo clube no segundo semestre Foto: Divulgação
Representantes do Vasco e do jogador Bernardo tiveram a primeira audiência na Justiça do Trabalho na manhã desta terça-feira, no Centro do Rio, e não chegaram a um acordo quanto à cobrança, por parte do meia, de R$ 32 milhões.
Bernardo reclama salários atrasados, FGTS e férias do período em que esteve sob contrato do clube da Colina, entre 2011 e 2015.
Os advogados vascaínos não concordam com o valor cobrado e, com isso, ficou acertada a realização de nova audiência, marcada para o dia 15 de março.
Atualmente Bernardo está sem clube. A última equipe que defendeu foi o Botafogo-SP, na disputa do Campeonato Paulista. Pelo Vasco, o jogador foi campeão da Copa do Brasil de 2011 e campeão estadual de 2015.
Fonte: Extra Online

Vasco não se ilude com goleada do Bahia

O Vasco iniciou nesta terça-feira a sua preparação para o confronto do próximo domingo, às 16h (de Brasília), contra o Bahia na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time baiano entrará em campo um pouco abalado pela goleada de 4 a 1 sofrida para o Atlético-PR no Paraná. 
O fato, porém, parece não empolgar os vascaínos, que no fim de semana empataram por 1 a 1 com o Palmeiras em Volta Redonda (RJ).
“O Campeonato Brasileiro é marcado por um equilíbrio muito grande e o que temos acompanhando é um grande sobe e desce. Portanto, não podemos esperar nenhuma ligação da goleada sofrida pelo Bahia com o jogo deste domingo. O Vasco sabe que vai enfrentar um adversário muito qualificado e que por isso mesmo vai nos criar problemas, mas estamos nos preparando”, disse o goleiro uruguaio Martín Silva.
O elenco, que folgou na segunda-feira, se reapresentou nesta terça-feira pela manhã, mas apenas para um trabalho regenerativo. Nesta quarta-feira o plantel volta a trabalhar na parte da manhã.
Fora de campo a diretoria do Vasco está monitorando a negociação que pode levar o meia Philippe Coutinho do Liverpool para o Barcelona. Isso porque o clube carioca é o formador do apoiador e por isso tem direito a receber 2,5% nesta transação. A última oferta recebida pelos ingleses, segundo a imprensa inglesa, girava em torno de 100 milhões de euros (cerca de R$ 375 milhões). Esse dinheiro chegaria em um bom momento e ajudaria a colocar em dia algumas dívidas.
Fonte: ESPN.com.br

Ramon escorrega e leva o garrancho da 20ª rodada

O vencedor da enquete mais indesejada dos gramados brasileiros veste a camisa do Vasco. O lateral Ramon escorregou bonito ao tentar evitar que uma bola saísse em duelo contra o Palmeiras e ficou com 33.08% dos votos no páreo que elege o "garrancho" da rodada. 
Neílton, do Vitória, é o dono da prata nesta inglória disputa. Com 25,34% dos votos, o atacante do Leão teve a maestria de mandar por cima o travessão, bem longe do gol, ao cobrar o pênalti diante do Avaí.
Robinho, do Cruzeiro, errou totalmente a cobrança de um córner no duelo diante do São Paulo e ficou com o terceiro lugar na enquete com 19,37% dos votos. Rithely (Sport), arriscou um chute de longe diante da Ponte Preta e quase mandou a bola fora da Ilha do Retiro - o jogador do Leão contabilizou 14,01% dos votos.
A lanterna é de Leonardo, do Grêmio, que falhou no domínio de bola e deixou a pelota escapar por baixo do pé e sair pela lateral no jogo contra o Botafogo: 8,20% dos votos entre os "garranchos".
Fonte: GloboEsporte.com