quarta-feira, 26 de abril de 2017

Templários Vascaínos lançam cerveja artesanal em homenagem a Alfredo II, do Expresso da Vitória

Alfredo II - Jamais jogar no imundo 


Homenagear um jogador, personagem ou ídolo do Vasco só não é mais fácil do que vencer os jogos contra o framengo. Isso se deve aos inúmeros e infinitos que passaram pelos gramados do nosso nonagenário Estádio de São Januário. 

Desta vez, o homenageado foi Alfredo II. O homem que jogou nada menos que 20 anos no Vascão, aliás, só no Vascão, passando pelo Expresso da Vitória e seleção brasileira. Para quem não o conhece, vale a pena googar e se encantar com a história desse jogador que amou o Vasco mais do que ninguém. Um jogador que não escolhia posição para jogar, apenas o time, a sua maior paixão ele não mudava. Uma utopia nos dias atuais. Reza a lenda, que marceneiros nunca conseguiram fazer uma estante que aguentasse todos os troféus recebidos por ele em sua casa. 

Esta cerveja foi produzida em 18 de dezembro de 2016. Assim como Alfredo II, tivemos um hiato de homenagem nas cervejas devido a paumolescência do ano passado, mas voltamos, e ainda mais "Fabulosos". 

A degustação aberta aconteceu no dia 22 de março em um churrasco entre vascaínos ilustres. Na ocasião, a união dos 4 amuletos da sorte, trouxe os 3 pontos na estrondosa vitória contra o Madureira por 1x0, com gol do Pikashow na estreia do técnico Milton Mendes em SJ. Teve direito a grito de casaca (aqui ninguém regula quando pode ou não gritar). Confira vídeo abaixo. 
No contra rótulo 

Alfredo II, o coringa da Colina, jogou no Vascão de 1936 a 1956, fazendo parte do Expresso da Vitória. Ainda quando jogava na base, negou propostas dos fura-olhos florminenC, bostachôro, mulambos e ex-mecão. Tamanha era sua categoria e paixão, jogava em todas as posições que o fosse solicitado, inclusive no gol. Como se isso não bastasse, sacramentou o status de lenda em 1949, ano em que as definições de vascainidade foram atualizadas. A mulambada tentou contratá-lo após um período sabático no Vasco. Mas antes de assinar, escutou seu coração, virou a mesa, rasgou o contrato, mandou à merda e disse: sou Vasco, porra. E assim, voltou à Colina chegando à seleção brasileira. 

Vai no Molejão e canta: 
Que cilada, desilusão 
Mulambo até tentou, 
Mas sou cruz de malta de coração, 
Não era Vasco, ôh, ôh, não era, 
Não era Expresso, era Cilada.

Alfredo II Beer é uma cerveja do estilo Saison, com 3 tipos de maltes e 3 tipos de lúpulos. Dry hopping com lúpulo slovenia stryrian gold. Possui 8,5% de graduação alcóolica. Cor cobre claro, entre límpida e turva, corpo médio/baixo, éster médio/alto, com aromas damasco, carambola e levemente condimentada. Notas de mel acácia, caramelo e cereais com espuma fina e persistente. A primeira com receita 100% dos Templários Vascaínos Homebrewers. 

Fonte: Blog Templários Vascaínos

Henrique vê com bons olhos tempo para se preparar para o Brasileiro

Após a eliminação no Campeonato Carioca, o Vasco ficará sem compromissos oficiais até a estreia no Campeonato Brasileiro. O elenco trabalhou nesta terça-feira e quem falou com a imprensa foi o lateral esquerdo Henrique. O jogador lamentou a saída do Estadual, mas destacou que o técnico Milton Mendes vai ter tempo para treinar para a Série A.

"Não é bom só treinar. Queríamos estar disputando a final, mas por outro lado teremos tempo para trabalhar e o Milton deixar o time do jeito que ele quer. Antes só tivemos a pré-temporada", declarou o lateral.

"O trabalho que vinha sendo feito é o correto, estava dando certo. No futebol são três tipos de resultados e infelizmente tivemos uma derrota. Agora ele vai poder trabalhar sem ter pressão de jogo da maneira que ele quer. Vamos entender  melhor a metodologia de trabalho".

Já eliminado na Copa do Brasil, os cruzmaltinos só terão o Campeonato Brasileiro até o fim da temporada. Para Henrique, isso vai fazer o elenco focar ainda mais na competição.
"Se é a única competição, temos que ir contudo para o Brasileiro. Vamos defender bem a camisa do clube, pois é a competição do ano. Sabíamos que seria nosso objetivo principal e agora o foco é ainda maior", declarou.

O Vasco estreia no Brasileiro no dia 14 de maio, contra o Palmeiras, na Allianz Arena.

Fonte: UOL

Juniores: Paulinho projeta duelo contra o São Paulo nesta 4ª-feira pela Copa do Brasil

A preparação cruzmaltina para o decisivo jogo contra o São Paulo, pelas oitavas da Copa do Brasil sub-20, foi encerrada na tarde desta terça-feira (25/04) na Terra da Garoa. No Centro de Treinamento do Palmeiras, localizado no bairro da Barra Funda, o treinador Marcus Alexandre fez os últimos ajustes na equipe, que venceu a partida de ida pelo placar de 1 a 0 em São Januário e joga por um empate nesta quarta (26), às 17 horas, no Morumbi. 

O treinamento durou pouco mais de uma hora e foi importante para a comissão técnica observar as opções para o lugar de Paulo Vitor. Artilheiro do Gigante da Colina na competição, o atacante participa de um período de preparação da Seleção Brasileira sub-20 na Granja Comary e não estará à disposição para o importante confronto. Pedro Bezerra e Paulinho brigam pela vaga. O segundo, inclusive, já está totalmente recuperado de uma lesão no tornozelo. 

- Muito feliz por ter novamente a oportunidade de fazer o que mais amo, que é jogar futebol. Fiquei agoniado durante esse tempo que fiquei fora, pois queria ajudar os meus companheiros e não podia. Graças a Deus, já estou recuperado da lesão que tive no tornozelo, e agradeço ao Caprres por isso. Não tem nada definido, até porque o São Paulo tem muita tradição nessa competição, é o atual bicampeão. Vamos procurar fazer o que o professor Marcus Alexandre pedir para sairmos com a classificação - declarou o atacante Paulinho. 

Adversário vascaíno, o São Paulo entrará em campo reforçado por cinco jogadores da equipe profissional: o goleiro Lucas Perri, o zagueiro Éder Militão, os meias Lucas Fernandes e Shaylon e o atacante Léo Natel. A descida dos atletas para o jogo foi um pedido do treinador da equipe profissional: Rogério Ceni. O ex-goleiro vê na Copa do Brasil sub-20 uma boa oportunidade para manter os jovens jogadores do seu elenco em atividade. 

Os times sub-20 de Vasco e São Paulo se enfrentam nesta quarta-feira (26), às 17 horas, no Estádio do Morumbi. Os portões da casa do adversário abrirão às 16 horas e a entrada será gratuita. Os são-paulinos terão acesso pelo portão 5 (cadeiras cobertas), enquanto os torcedores cruzmaltinos entrarão pelo portão 15 (arquibancada). A partida será transmitida pelo Facebook Oficial do Tricolor Paulista. 


Fonte: Site oficial do Vasco

Romário falou sobre os três clubes que defendeu no Rio de Janeiro: Vasco, Flamengo e Fluminense

Em entrevista ao programa "Boa Noite Fox", do "Fox Sports", nesta segunda-feira, o ex-jogador Romário falou sobre os três clubes que defendeu no Rio de Janeiro: Vasco, Flamengo e Fluminense.

O Baixinho fez elogios aos três gigantes, mas garantiu que se identifica mesmo é com a torcida rubro-negra.

“A verdade é a seguinte: Eu sou grato ao Vasco por tudo o que fez por mim. As portas se abriram pra mim no futebol mundial através do Vasco. E não tem como negar o carinho que eu tenho que ter pelo Vasco por ter feito o gol 1000 com a camisa do clube. O Fluminense eu, infelizmente, não tive e não tenho muita coisa pra contar porque joguei muito pouco. Mas é a, como torcida, é a torcida mais charmosa que eu tive o prazer de vestir a camisa. É uma torcida muito especial no futebol brasileiro. E o Flamengo é o povão, é a multidão, é onde eu sempre me identifiquei e com certeza é um time que pela sua torcida, pelo barulho que faz, será sempre diferente dos outros, é a realidade”, disse o senador.

Romário é o quarto maior artilheiro da história do Flamengo com 204 gols, mas não conquistou tantos títulos de expressão como no Vasco. No Fla, os principais títulos foram o Carioca de 1996 e a Mercosul em 1999.

Fonte: Extra Online

Maior goleada do Clássico dos Milhões, Vasco 7 x 0 Flamengo, completa 86 anos

Nesta 4ª-feira (26/04) a maior goleada da história do clássico Vasco x Flamengo completa 86 anos. Na ocasião, o time cruzmaltino venceu o arquirrival por 7 a 0 em jogo realizado no Estádio de São Januário, válido pelo 1º turno do Campeonato Carioca de 1931. Os gols foram marcados por Russinho (4), Mário Mattos (2) e Sant'Anna. 

As derrotas do Flamengo para o Vasco estavam se tornando constantes, a ponto da imprensa carioca tradicionalmente rubro-negra tentar ignorar aquele massacre nos jornais do dia seguinte. No período de 1928 a 31, o time cruzmaltino venceu todos os 8 jogos oficiais contra os flamenguistas. 

Este foi um dos primeiros grandes times da história do Vasco. Quatro atletas (Brilhante, Itália, Fausto e Russinho) foram convocados para a Seleção Brasileira que disputou a Copa do Mundo de 1930 no Uruguai, além de Tinoco para a edição de 1934 na Itália. O meio-campo Fausto chegou a receber o apelido de “La Maravilla Negra” pela imprensa uruguaia por causa das suas grandes atuações em campo. 

O ponta-esquerda Sant'Anna foi o primeiro jogador a fazer um gol olímpico no país. Isto aconteceu em 1928, na inauguração dos refletores de São Januário, quando o Vasco venceu o Wanderers do Uruguai por 1x0. 

Se na esquerda tinha Sant´Anna, pela direita vinha Paschoal, apelidado de “Trem de Luxo” pela sua extrema velocidade. Ele atravessou todo o período que o Vasco venceu o racismo no futebol carioca, conquistando os primeiros títulos do clube, desde a Série B da 1ª divisão do Carioca em 1922. Foi titular absoluto do Vasco e das seleções carioca e brasileira, apesar de não ter participado daquela goleada de 7x0 sobre o Flamengo. 

Paschoal pertencia, com orgulho, a uma geração que amava o clube. Pelo resto de sua vida, trabalhou com o mesmo amor pelas sagradas cores do Vasco, razão maior da sua vida. Com mais de 80 anos, continuava integrado ao Vasco, ensinando garotos que sonhavam um dia representar a cruz-de-malta tal como ele. 

Não se pode esquecer também de Sebastião Paiva Gomes, o Mola, Campeão Carioca em 1929 e 1934. Ele era o cão de guarda do time e os atacantes da época tinham pavor de enfrentá-lo. Em 1934, Mola foi convocado para a Seleção que disputaria a Copa do Mundo, mas, ao contrário dos seus companheiros vascaínos Tinoco e Leônidas da Silva, preferiu continuar como profissional no Vasco, uma vez que a CBD só levaria "amadores" para a Itália. 

Outro ídolo da lendária equipe foi Russinho, autor de quatro gols na goleada histórica sobre o Flamengo. Ele também se sagrou artilheiro dos Cariocas de 1929 e 1931. Em 1930 Russinho atingiu grande popularidade e foi eleito o melhor jogador do Rio de Janeiro, então Distrito Federal, num concurso promovido por uma marca de cigarros. 

Para comandar este leque de craques, o Vasco tinha Harry Welfare como técnico. Vindo do Liverpool, o gringo do país que inventou o futebol chegou ao Brasil em 1912 contratado pelo Colégio Anglo-Brasileiro para ensinar a língua inglesa. Como jogava muito bem futebol, ingressou no Fluminense e fez história nos campos cariocas. Foi o técnico vascaíno de 1927 a 37, voltando ao cargo na temporada de 1940. 



Recitando a escalação do Vasco 

A base dessa vitoriosa equipe vascaína de 1931 ainda era a mesma campeã carioca em 1929. O timaço se consagrou ao bater o América por 5x0 na final, após dois empates na série melhor-de-três. No ano seguinte (1930) a grande vítima foi o Fluminense, que também sofreu a maior goleada da história do clássico: 6x0 em São Januário. 

Porém, o que realmente mais impressionava no Vasco de 1929 era a criatividade dos torcedores em recitar a escalação de seus ídolos. Frases como estas eram postas com orgulho nos botequins do Rio de Janeiro: 

JAGUARÉ foi na ITÁLIA comprar BRILHANTE. Assistiu com TINOCO a ópera FAUSTO, sentado numa cadeira de MOLA. Na volta, PASCHOAL encontrou OITENTA E QUATRO RUSSINHOS junto com MÁRIO MATOS na Igreja de SANTANA”. 

Ou: 

JAGUARÉ fez uma BRILHANTE defesa na ITÁLIA. TINOCO foi visitar FAUSTO numa cadeira de MOLA, PASCHOAL comeu OITENTA E QUATRO empadas com RUSSINHO e MARIO MATTOS no campo de SANTANA”. 

Quem comprova isso é o sócio Fabrício Figueira, de 26 anos, sobrinho-neto do zagueiro Itália, que faleceu em 1963. Freqüentemente o jovem vascaíno ouve histórias dos mais antigos parentes do craque: 

“Minha mãe sempre conta que o Itália dava doces, balas e uns trocados para os sobrinhos que decorassem a escalação do time. Era uma forma de aumentar mais ainda a identidade deles com o Vasco”, comenta Fabrício, que ainda guarda fotos do antigo xerife do Vasco. 


Ficha Técnica – Vasco 7x0 Flamengo 

Campeonato Carioca de 1931 (1º Turno) 
Local: São Januário 
Juiz: Leandro Carnaval 
Expulsões: Fausto e Penha aos 37 minutos do 1º tempo 
Obs: Naquela época os jogadores expulsos eram substituídos. 

Vasco: Jaguaré, Brilhante e Itália; Tinoco, Fausto (Nesi) e Mola; Baiano, Oitenta e Quatro, Russinho, Mário Mattos e Sant´Anna 
Flamengo: Floriano, Léo e Hélcio; Flávio, Penha (Fonseca) e Darci; Adelino, Viventino, Elói (Nélson), Álvaro e Cássio 

Gols: 
No 1º tempo: Russinho aos 5 e 30, Mário Mattos aos 27 e 34 minutos; 
No 2º tempo: Santana aos 4 e Russinho aos 14 e 20 minutos. 


Fonte: Site Oficial do Vasco, Site Mauro Prais, NETVASCO, Revista Placar, Livro "Flamengo x Vasco - O Clássico dos Milhões", Blog Memória Vascaína

Basquete: Já acertado com clube da Venezuela, Murilo pode voltar ao Vasco em breve

Uma semana após a eliminação no Novo Basquete Brasil (NBB), o Vasco decidiu liberar um de seus principais jogadores. Aos 33 anos, o pivô Murilo reforçará o Trotamundos, da Venezuela, nas finais nacionais da equipe. Mesmo após o presidente Eurico Miranda cravar a continuidade do projeto na próxima temporada, o Cruz-maltino ainda não definiu o planejamento para o NBB 2017/18. Segundo a assessoria de imprensa do Vasco, há a possibilidade, inclusive, que Murilo retorne ao clube após a passagem pelo basquetebol venezuelano. 

Além de Murilo, o Vasco investiu consideravelmente na volta à elite do basquete. Campeão da Liga Ouro no ano passado, a equipe contratou peças importantes como David Jackson, Nezinho e Bruno Fiorotto. O clube da Colina tinha a ambição de ir mais longe neste primeiro ano. Nos bastidores, a diretoria considerava boa uma campanha até as quartas de final, o que acabou não acontecendo devido à derrota para o Pinheiros na última semana. 

Contratado junto ao Bauru, Murilo teve uma média de 10.8 pontos, 5.8 rebotes e 1.1 assistência por partida no NBB 2016/17. Além da competição nacional, o Vasco disputou o Campeonato Estadual do Rio na última temporada, terminando na segunda colocação ao ser derrotado por WO pelo Flamengo na final. 


Fonte: GloboEsporte.com

terça-feira, 25 de abril de 2017

Em rede social, Vasco parabeniza o lateral Henrique pelo aniversário

Vasco da Gama @vascodagama 
Parabéns, @H37oficial! 🎂 


Fonte: Twitter oficial do Vasco

Karatê: Vasco conquista boas posições no Torneio Internacional

O Vasco participou do 5º Torneio Internacional de Karate Open, em São Paulo, e mais uma vez conseguiu grandes resultados. Foram cinco medalhas conquistadas pela equipe cruzmaltina no evento realizado no Transamerica Expo Center. O campeonato foi disputado entre os dias 21 e 24 de abril.

Adan Ramos, Átila, Lucas Bruno e Mariana Oliveira foram os representates do Gigante da Colina que levaram medalhas para São Januário. Único a garantir o ouro, Lucas chegou ao local mais alto do pódio na categoria -53. Mariana e Adan foram prata nas categorias +68 e equipe, respectivamente. Adan também faturou o bronze na categoria -84 e Átila na Master -65.

 
Fonte: Site oficial do Vasco

Juniores: Rival: São Paulo terá reforço de quinteto do profissional contra Vasco

O time sub-20 do São Paulo terá reforço para o jogo contra o Vasco, nesta quarta-feira, às 17h, no Morumbi, pelo duelo de volta da Copa do Brasil da categoria. O goleiro Lucas Perri, o zagueiro Éder Militão, os meias Lucas Fernandes e Shaylon e o atacante Léo Natel, que integram o elenco principal no CT da Barra Funda, foram convocados para a partida.

Lucas Perri, Militão e Léo Natel subiram ao profissional nesta temporada, mas ainda não estrearam. Lucas Fernandes integra o elenco principal desde o ano passado e soma 17 jogos, enquanto Shaylon subiu este ano e atuou em sete partidas.
 
Como o confronto de ida foi 1 a 0 para o Vasco, o São Paulo terá de vencer por dois gols de diferença para se garantir nas oitavas de final da Copa do Brasil Sub-20. Em caso de 1 a 0 no placar para o Tricolor, a decisão será nos pênaltis. O técnico Rogério Ceni destacou a importância de o quinteto reforçar o sub-20 nesta quarta-feira.

- É uma oportunidade importante, porque permite que os jogadores se mantenham com ritmo de jogo neste período. O Lucas Fernandes voltou de lesão, ficou um tempo sem jogar e agora terá esta chance de jogar. Além disso, é interessante para a categoria de base também, pelos reforços, já que o time precisa de um resultado positivo. Os garotos têm a oportunidade de ganhar ritmo de competição - afirmou o treinador.

O duelo desta quarta no Morumbi tem entrada gratuita a partir das 16h. Os são-paulinos terão acesso pelo portão 5 (cadeiras cobertas), enquanto os visitantes entrarão pelo portão 15 (arquibancada).

Fonte: Lancenet

Juinores: Dudu: 'Sabemos da grandeza do São Paulo. Eles foram em São Januário e fizeram um belo jogo contra a gente, mas fomos eficientes e saímos com a vitória'

O Vasco entra em campo contra o São Paulo nesta quarta-feira, às 17h, em duelo que vale vaga nas quartas de final da Copa do Brasil sub-20. Na partida de ida, em São Januário, o Cruz-maltino bateu o São Paulo por 1 a 0, com gol de Paulo Vitor, e agora tem a vantagem do empate no jogo do Morumbi para ficar com a classificação.

A delegação vascaína desembarcou em São Paulo na madrugada desta terça-feira. O grupo foi até o centro de treinamento do Palmeiras e fez nesta tarde o último treino antes da partida decisiva. Vice-artilheiro do Vasco no torneio com dois gols, o meia Dudu revelou a expectativa para o confronto e garantiu que a vantagem não mudará a forma de o time jogar.

- Sabemos da grandeza do São Paulo. Eles foram em São Januário e fizeram um belo jogo contra a gente, mas fomos eficientes e saímos com a vitória. É um time de tradição na Copa do Brasil e que possui um elenco muito forte, mas vamos buscar o resultado positivo. É verdade que temos a vantagem do empate, mas isso não pode mudar a nossa forma de jogar. Não tem nada decidido, então iremos manter o foco e fazer o que estiver ao nosso alcance para conquistar a classificação - disse Dudu.

Em um período de treinamentos com a Seleção Brasileira sub-20, Paulo Vitor desfalca o Cruz-Maltino contra o São Paulo nesta quarta-feira. A boa notícia, porém, fica pelo retorno de Paulinho. Recuperado de uma lesão no tornozelo, o jogador foi relacionado para o confronto.

Jogadores relacionados para a partida contra o São Paulo:

Goleiros: Alexander e João Pedro
Laterais: Alan Cardoso, Luan e Rafael França
Zagueiros: Denílson, Mayck, Ricardo e Richard
Volantes: Andrey, Bruno Cosendey e Léo Couto
Meias: Dudu, Mateus Vital, Moresche e Robinho
Atacantes: Paulinho, Pedro Bezerra e Vágner

Fonte: Lancenet  

Vasco parabeniza Dona Áurea, torcedora que completou 100 anos



Fonte: Twitter oficial do Vasco, Twitter Eu te amo Vasco

Assim como na 2ª feira, Vasco fará treino fechado, e sem coletivas nesta 4ª-feira

David Nascimento‏ @daviddcn
O Vasco volta a trabalhar nesta quarta-feira pela manhã, mas assim como na segunda, todo fechado e sem entrevista coletiva #lanceVAS

Argumentação dada foi a do elenco do Vasco ter um dia cheio de avaliação física no Caprres nesta quarta-feira #lanceVAS 
Fonte: Twitter do jornalista David Nascimento/Lance

Juniores: De contrato renovado com o Vasco, Paulo Vitor atrai interesse de clubes europeus

Não é preciso óculos para enxergar o seu futebol, ainda assim: agora como centroavante, Paulo Vitor, que atuava aberto até a última temporada, deslanchou pelo Vasco, balançou as redes duas vezes em dois jogos contra o Flamengo na Taça Guanabara Sub-20 e virou a resposta do Vasco ao rubro-negro Vinícius Jr. A joia de 17 anos já entrou no radar dos europeus e foi convocada para a seleção sub-20. 

O camisa 9 cruzmaltino está cotado para participar do tradicional Torneio de Toulon, na França. 

Olheiros estiveram em São Januário para acompanhar a vitória de 3 a 0 do Vasco sobre o Fla, no último domingo. Com o resultado, os donos da casa enfrentarão o Fluminense na decisão da categoria. 

Não são poucos os que pedem Paulo Vitor entre os profissionais. 

Atento a isso, o Vasco se adiantou e, com direito a aumento salarial, renovou o seu contrato até 31 de março de 2020. 

Em seu primeiro ano nos juniores, Paulo Vitor chega à final da Guanabara com nove gols marcados e destaque também na Copa Brasil Sub-20, com outros três contra São Paulo e América-MG. 

A princípio, o atacante não carrega o mesmo talento que o rival Vinícius Jr., porém, é elogiado por sua técnica, entrega em campo e nunca desistir da bola. 

Mesmo novo, ele foi pivô de confusão em 2015 ao deixar o Fluminense após acusação de sumiço e aliciamento junto à federação e à CBF e retornar ao Vasco, onde deu os seus primeiros passos. O caso estremeceu a relação entre os clubes na época. 

A cada gol, ele ergue as mãos nos olhos como se fossem lentes e sorri para a câmera. 


Fonte: ESPN.com.br

Elenco do Vasco fará avaliação física no Caprres nesta 4ª-feira

David Nascimento‏ @daviddcn 
O Vasco volta a trabalhar nesta quarta-feira pela manhã, mas assim como na segunda, todo fechado e sem entrevista coletiva #lanceVAS 

Argumentação dada foi a do elenco do Vasco ter um dia cheio de avaliação física no Caprres nesta quarta-feira #lanceVAS 

Fonte: Twitter do jornalista David Nascimento‏/Lance

Confira os preços dos jogadores do Vasco no Cartola FC



Fonte: GloboEsporte.com

Juniores: Final da Taça Guanabara passa para o domingo às 10h nas Laranjeiras

FERJ‏ @FFERJ 
Mudanças na final da Taça Guanabara sub 20. @FluminenseFC x @vascodagama passou para domingo (30), às 10h, nas Laranjeiras. 

Fonte: Twitter da FFERJ

'O erro do Vasco em 2017 começou com chegada de Cristovão em 2016'

Os primeiros quatro meses do Vasco neste 2017 não foram bem aproveitados. A cúpula liderada pelo presidente Eurico Miranda, em ano de eleição, errou ao fim do ano passado em contratar o técnico Cristovão Borges, demitido em março. Com isso, a preparação foi jogada praticamente no lixo e isso refletiu para as eliminações precoces na Copa do Brasil e no Campeonato Carioca. Muito deve ser feito a partir de agora.

Milton Mendes, há pouco mais de um mês como técnico do Vasco, tem as suas qualidades, é melhor do que o antecessor no cargo em São Januário, mas não teve um período de treinos importante - como é o de pré-temporada - para deixar o time 100% como deseja. Essas três semanas que agora separam a equipe do próximo jogo, na estreia no Campeonato Brasileiro, chegam em um bom momento e não pode se desperdiçar para que a equipe não sofra para se firmar na elite do futebol nacional neste ano.

Existe também a necessidade de reforçar a equipe em todos os três setores - até agora o atual nível do elenco do Vasco era suficiente, mas na Série A fica abaixo de muitos dos adversários. O torcedor está impaciente e com razão com tudo que vem sendo apresentado. Não se pode errar mais a partir de agora. Cada segundo até 14 de maio, quando entrar em campo diante do Palmeiras na estreia no Brasileiro, é fundamental para que o Cruz-Maltino volte a brilhar. 

Caso contrário, a chance de ter aquele filme repetido no fim do ano, para tristeza da torcida e história do clube centenário como é o Vasco, de tantas conquistas e glórias, é enorme...

Fonte: Lancenet

Henrique lamenta eliminação no Estadual e fala sobre a importância do Vasco na sua vida

A equipe do Vasco da Gama voltou aos trabalhos em São Januário na manhã desta terça-feira (25/04). Após a atividade no campo anexo, o lateral-esquerdo Henrique, aniversariante do dia ao lado do técnico Milton Mendes, concedeu entrevista coletiva à imprensa. Ao ser perguntado sobre o longo período de treinamentos, o jogador ressaltou a importância de manter o foco no trabalho até o início do Campeonato Brasileiro. 

- O tempo sem jogos não é bom porque queríamos estar disputando a final do Estadual. Por outro lado é positivo, pois o outro tempo que tivemos sem jogos foi na pré-temporada, agora é outro treinador. O Milton vai ter tempo para trabalhar, colocar o time da forma que ele quer - disse. 

Com as três semanas de preparação, Henrique deixou claro o foco na competição que o Cruzmaltino terá até o fim do ano. Com as atenções somente com o Brasileiro e os demais times em outras competições, o lateral acredita que o Gigante da Colina pode ter vantagem nessa situação. 

- Não tirar proveito, mas focar já que é a única competição que temos. No ano a gente já sabia que seria o nosso objetivo principal. Se a gente só tem essa competição vamos focar cada vez mais - afirmou Henrique. 

O jovem, que é cria de São Januário, comentou a oportunidade que vem tendo na equipe profissional. Inclusive, o fato do técnico Milton Mendes estar acompanhando a equipe de juniores nas competições estaduais e nacionais. 

- É importante porque a gente esperava nossa orportunidade. Os meninos da base estão vendo a valorização da base. O Milton está no jogo e observando. É dar sequência no trabalho e cada vez mais ganhar confiança - comentou o jogador, que também destacou a importância do clube em sua vida em mais um aniversário: 

- Meus aniversários nos últimos dez anos foram aqui. Cheguei criança, passei pela adolescência e agora sou um homem. O Vasco fez parte da minha educação, estudei aqui. Realizo um sonho ao vestir essa camisa. Sou muito grato ao clube. Todos os meninos que temos contato sempre pedimos para valorizar, porque não é qualquer clube que te dá o carinho que o Vasco dá - finaliza. 


Fonte: Site oficial do Vasco

Elenco vascaíno confia em bom desempenho no Brasileiro

A derrota por 3 a 0 para o Fluminense e a precoce eliminação no Campeonato Cariocadeixaram os torcedores vascaínos preocupados com o que o time pode apresentar no Campeonato Brasileiro. Isso porque, de 2008 para cá foram três rebaixamentos e os cruz-maltinos não querem que o pesadelo se repita este ano. Porém, na visão dos jogadores não deve existir motivo para tanta preocupação e eles confiam em um bom desempenho do time de São Januário.
“O jogo contra o Fluminense não reflete o que o Vasco pode produzir ao longo de toda a temporada. O time vinha em um crescimento e tenho convicção de que podemos apresentar um futebol muito melhor no Campeonato Brasileiro. O torcedor pode ter certeza de que vai ver em campo um time honrando as tradições do clube e lutando muito pela conquista de vitórias e grandes resultados”, disse o zagueiro Rafael Marques.
O lateral-direito Yago Pikachu tem um pensamento semelhante. “O Vasco é um grande clube e sempre entra nas competições pensando em disputar títulos e chegar nas primeiras colocações. O Campeonato Brasileiro é uma competição muito complicada, mas com o trabalho que estamos realizando tenho convicção e que podemos fazer um papel muito bonito com a camisa do Vasco. O nosso pensamento vai ser o de olhar um jogo por vez e ir subindo degrau por degrau”, disse o jogador.
Apesar do otimismo, o Vasco venceu apenas um dos 10 jogos que disputou esse ano contra equipes que estão na Série A do Campeonato Brasileiro. E mesmo assim a vitória foi o 1 a 0 sobre os reservas do Botafogo na final da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca.
Dentro de campo o elenco segue se preparando para a estreia no Campeonato Brasileiro, dia 14 de maio, às 16h(de Brasília), contra o Palmeiras no estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP). Nesta terça-feira o técnico Milton Mendes mais uma vez comandou uma atividade fechada para a imprensa. Nesta quarta-feira o grupo trabalha pela manhã.
Fora de campo o Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD) vai julgar nesta quinta-feira, às 18h (de Brasília), o recurso do Vasco contra a punição de quatro jogos dada a Luis Fabiano. O jogador cumpriu duas partidas e voltou a atuar por efeito suspensivo. A punição se refere a sua expulsão no empate por 2 a 2 com o Flamengo pela fase de classificação da Taça Rio.

Em rede social, Vasco parabeniza o técnico Milton Mendes; confira

Vasco da Gama‏ @vascodagama 
Feliz aniversário, Milton Mendes! 🎂 


Fonte: Twitter oficial do Vasco