Não tendo mais espaço para erros, o Vasco vai a campo às 19h30 desta quarta-feira, no Complexo Esportivo de São Januário, diante do Atlético-PR, dando início a série de cinco jogos decisivos para o fim do Campeonato Brasileiro. Na luta contra o rebaixamento - o time comandado pelo técnico Alberto Valentim chega na partida a apenas um ponto de distância -, uma vitória é mais do que fundamental para os planos vascaínos neste término de 2018, e o Caldeirão fervendo nesta partida, motivação não vai faltar aos jogadores. O site do LANCE! transmite em tempo real, com pré-jogo a partir das 18h.

A primeira grande motivação para a partida é o fator casa. Ao longo desta temporada, o Vasco teve bem mais sucesso em São Januário do que longe do estádio. Como visitante neste Campeonato Brasileiro, por exemplo, o time conquistou a primeira vitória recentemente, no clássico com o Fluminense, no Maracanã. Pelos números, como visitante, o Vasco somou apenas dez pontos em 17 jogos - uma vitória, sete empates e nove derrotas, um aproveitamento de 19,61%. Já como mandante a história muda: foram 28 pontos em 16 jogos - oito vitórias, quatro empates e quatro derrotas, com aproveitamento de 58,33%.

Uma outra grande motivação importante tem ligação com os torcedores do Vasco. Durante todo o ano, os vascaínos provaram que fazem a diferença nos jogos em São Januário, incentivando até o fim, esquentando o jogo para atrapalhar o adversário, ajudando o Cruz-Maltino a sair de campo com as vitórias. E neste momento que o Vasco mais precisa do apoio da torcida, a ideia foi comprada. Juntando ao fato de a diretoria ter entendido o momento delicado para a permanência da equipe na elite do futebol brasileiro, os valores dos ingressos foram reduzidos e a carga colocada à venda, esgotada. Mais de 22 mil pessoas estarão no estádio, recorde de público em São Januário em 2018.

- Vai ser um Caldeirão e a torcida vai jogar junto. O astral segue lá em cima. Sabemos que o Atlético-PR será um adversário muito difícil. Conheço alguns jogadores que estão lá, casos do Raphael Veiga, do Cirino e do Wellington, que jogou aqui conosco recentemente. É um time que vem muito bem nas duas competições que está disputando, mas temos totais condições de vencê-los. Queremos os três pontos para sairmos de vez dessa parte inferior da tabela. O único resultado que nos interessa nesse jogo é a vitória - garantiu o meia Thiago Galhardo, autor do gol no jogo contra o Grêmio, na rodada passada, e que será titular nesta quarta.

Assim como o próprio Thiago Galhardo falou representando o elenco do Vasco, o jogo desta quarta-feira será mesmo em um Caldeirão com a torcida jogando junto. É o primeiro dos decisivos cinco passos finais nesta reta final do Campeonato Brasileiro para que os comandados de Alberto Valentim se livrem do rebaixamento na competição. Segundo Gilcione Costa, matemático da Academia LANCE!, o Cruz-Maltino começa a rodada com 26,7% de chance de sofrer a queda. Estatísticas que preocupam os torcedores, mas que fazem o incentivo em campo ser maior até que a permanência na elite seja garantida, com este percentual sendo reduzido a zero.

Fonte: Lancenet